7 Plantas Medicinais Indígenas + Benefícios/Propriedades para Saúde!

Culturalmente falando, todos nós sabemos ou pelo menos já ouvimos falar nos inúmeros benefícios que plantas consideradas medicinais nos trazem. O que muita gente não sabe, no entanto, é que este conhecimento foi herdado de nossos antepassados indígenas.

Isso mesmo. Os índios já tratavam e já utilizavam plantas como remédios para inúmeras doenças há muito tempo atrás. Em muito, as plantas medicinais indígenas foram misturadas de diversas maneiras diferentes no futuro, para alcançar resultados dos mais diferentes também.

Isto só foi possível porque a ciência passou a estudá-las e as consequências destes estudos foi em um maior aproveitamento de todas as substâncias benéficas de cada planta, sozinhas ou misturadas.

a natureza é poderosa

O fato é que estes cientistas demorariam muito mais tempo para identificar estas propriedades medicinais em tais plantas e até mesmo de conhecê-las se não fosse a ajuda do incontestável conhecimento indígena repassado por diversas gerações.

Hoje em dia, a maioria destas plantas já são fartamente utilizadas por nós e muitas vezes acreditamos que o conhecimento sobre o uso das mesmas veio de nossos avós, bisavós, etc., mas não é bem assim pois estes nossos antepassados obtiveram este conhecimento provavelmente com os índios.

Claro que atualmente muitas destas plantas já são comercializadas com seus princípios ativos contidos em remédios e drogas vendidas normalmente em farmácias e drogarias e muitas vezes nem sabemos disto acreditando que a fórmula do remédio em questão foi criada por algum cientista químico.

Lista de nomes das principais plantas curativas dos índios

Casca de Murapuamafavorece a circulação sanguínea e possui propriedades tônico neuromuscular
Guaraná em Pópossui propriedades energizantes
Folha de Arrudautilizada para banhos, enxaquecas, dor de cabeça e cólicas
Catuabaestimulante sexual, inibidora da irritabilidade e moléstias do estomago e insônia
Casca de Carobatratamento de feridas, inflamações da garganta, coriza, dores reumáticas, dores musculares, problemas na pele e até no cálculo da bexiga
Amêndoa do Açaizeiroalto valor nutritivo e as grandes concentrações de ferro, que auxilia no tratamento e combate à anemia
Óleo de Andirobapossui propriedades que combatem a artrite e infecções da garganta

Casca de Murapuama

plantas dos índios
Casca de Murapuama

Também conhecida como “pau-homem”, favorece a circulação sanguínea, possui propriedades tônico neuromuscular (auxiliando inclusive no combate à celulite) e é geralmente encontrada na forma de folhas e/ou cascas secas.

Além disso, também é aconselhado o seu uso no combate a gripes, impotência, reumatismo, anemia, etc.

Princípio ativo: seus princípios ativos estão concentrados principalmente nos altos índices de ácidos que sua composição possui a exemplo do ácido lignocerico, o ácido behenico, entre outros.

Guaraná em pó

para curar patologias
Guaraná em pó

Muita gente já ouviu falar ou mesmo já consumiu o guaraná em pó. Geralmente sua indicação é conhecida por suas propriedades energizantes. E ele é mesmo um poderoso estimulante mas serve também para distúrbios intestinais e até mesmo diarreias.

Além disso, ajuda a combater a arteriosclerose, as enxaquecas e atua também como um eficaz calmante para o seu coração, além de ser afrodisíaco.

Princípio ativo: possui diversas qualidades como princípios ativos como por exemplo a cafeína, óleos, ácido tônico, mélico e piro-guaraná, saponina, amido, glicose, muita fibra vegetal, água em sua composição, pectina, estrina e alguns sais.

Folha da arruda

medicina indigena
Folha da arruda

A arruda possui inúmeras propriedades medicinais e muitas delas são inclusive desconhecidas por muitos. No geral, é utilizada para banhos, enxaquecas, dor de cabeça, cólicas e até para afastar a inveja.

Mas, comprovadamente falando, óleos naturais da arruda tem efeito benéfico no tratamento de feridas, hemorroidas, contusões, favorece a pele e varizes.

Princípio ativo: estão em sua maioria contidos nos alcaloides (substância orgânica), ácido salicílico, álcool metilnonílico, algumas matérias resinosas e até pépticas (que auxiliam na digestão), flavonoides (que são compostos químicos geralmente encontrados em plantas).

Possui também óleo essencial e outros flavonoides como pipeno, psoraleno, quercitina, ribalinidina, rubalinidina, rutacridona, rutalidina, rutalinium e rutina.

Catuaba

remédios indígenas
Catuaba

Também muito conhecida por suas propriedades estimulantes, é muito usada como estimulante sexual, como inibidora da irritabilidade, amnésia em estado inicial, moléstias do estomago e insônia.

A catuaba ficou muito famosa devido às suas indicações afrodisíacas, sendo um ótimo estimulante do sistema nervoso como um todo. É uma planta oriunda do cerrado brasileiro, mas já amplamente distribuída por todo o Brasil, Bolívia e Paraguai.

Princípio ativo: em sua composição possui os flavonoides, alcaloides, catuabinas, taninos (substância orgânica), resinas, triterpenos (ácidos oleanólico e botulínico).

Casca de Caroba

o que tomar
Casca de Caroba

Originária principalmente do Jacarandá, árvore nativa do Brasil, a Casca de Caroba possui poderosos nutrientes que auxiliam no tratamento de feridas, inflamações da garganta, coriza, dores reumáticas, dores musculares, problemas na pele e até no cálculo da bexiga.

Possui propriedades adstringentes, cicatrizantes, diuréticas entre outras.

Princípio ativo: o seu principal princípio ativo é uma resina chamada de “Carobona”, oriunda do alcaloide “Carobina”, que possui poderosa função cicatrizante. Possui ainda alguns ácidos como o carobico e o Steocarobico.

Amêndoa do Açaizeiro

dicas de plantas
Amêndoa do Açaizeiro

O Açaizeiro é uma imponente palmeira que fornece um delicioso fruto chamado Açaí ou “amêndoa do açaizeiro”. No entanto, esta amêndoa possui funções medicinais importantíssimas e, muitas vezes, desconhecidas pela maioria das pessoas.

O Açaizeiro era cultivado antigamente devido a extração do palmito, mas o fruto passou a ser o seu principal elemento, comercialmente falando.

Dentre suas funções medicinais, podemos citar o seu alto valor nutritivo e as grandes concentrações de ferro, que auxilia no tratamento e combate à anemia e fornece o conhecido “óleo-verde-escuro”, utilizado no tratamento de diarreia.

Princípio ativo: o açaí é uma fruta altamente energizante e seu suco possui um sabor exótico. Como princípios ativos, possui a vitamina B1, E e C, proteínas, sódio, ferro, cálcio, magnésio, cobre, zinco, fósforo, glicose, e muitas fibras.

Óleo de Andiroba

medicina natural brasileira
Óleo de Andiroba

A Andiroba é uma árvore de aproximadamente 30cm muito presente na Amazônia e Bahia. De sua semente se extrai um óleo chamado “óleo insetífugo” que possui propriedades que combatem a artrite e infecções da garganta.

Além disso possui alto poder cicatrizante e anti-inflamatório. Os indígenas utilizam seu óleo também para se proteger do sol e até como repelente natural de insetos.

Princípio ativo: Possui muitos ácidos graxos como oleico, palmítico, esteárico e linoleico; possui os Terpenos, que são substâncias de origem vegetal, mas especificamente as meliacinas (princípio amargo da planta).

Contém ainda diversos componentes que na verdade são compostos encontrados em alguns vegetais como:

  • A gedunina.
  • Limonoides: andirobina, epoxiazadiradiona, a andirobina.
  • Alguns ácidos como arachidico, acetoxi-gedunina, epoxiazadiradiona, deacetoxigedunina, hidroxilge-dunina, gedunina, hexadecenoico, linoleico, linolênico, oleico, palmitico, palmitoleico e esteárico.
  • Crisosofanolantrona.
  • Éter dehidroemodino antrona monometilico e éter emodino antrona monometilico.

Agora você provavelmente ficou curioso em descobrir mais plantas medicinais de origem indígena, não é mesmo? Existem muitas outras. Estudá-las e utilizá-las para efeito medicinal é mais do que saudável e, de uma maneira geral, possuem pouquíssimas contraindicações. Aproveite.

Este artigo te ajudou? Esperamos que sim! Compartilhe isso para o mundo: Obrigada! 😘mais saudáveis do mundo
2 Comentários

Comente! Pergunte! Relate! Sugira!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pin It on Pinterest